Dia Mundial da Poesia


Mal nos conhecemos

Alexandre O'Neill


Mal nos conhecemos

Inauguramos a palavra amigo!

Amigo é um sorriso

De boca em boca,

Um olhar bem limpo

Uma casa, mesmo modesta, que se oferece.

Um coração pronto a pulsar

Na nossa mão!

Amigo (recordam-se, vocês aí,

Escrupulosos detritos?)

Amigo é o contrário de inimigo!

Amigo é o erro corrigido,

Não o erro perseguido, explorado.

É a verdade partilhada, praticada.

Amigo é a solidão derrotada!

Amigo é uma grande tarefa,

Um trabalho sem fim,

Um espaço útil, um tempo fértil,

Amigo vai ser, é já uma grande festa!

Comentários

Candida Cristina disse…
Sem duvida um poema muito bonito.
Se a AMIZADE fosse realmente praticada desta forma de certo que a vida era muito mais fácil de enfrentar pois estariamos mais amparados para contornar as adversidades constantes e as grandes derrocadas e empurões que surgem sem estarmos preparados.
Pois se pensarmos bem a VIDA apesar de ser uma curta passagem, pois de um momento para o outro tudo pode deixar de existir, é cruel e com alguns espinhos.
Mas por vezes ela sorri e ai sim, é bom partilhar com os amigos.
A amizade é linda quando bem praticada....
Mas a amizade é Sempre praticada desta forma. Ou não o é, amizade. Pode ser outra coisa qualquer. A vida é o que é, com ou sem amizade. E merece ser vivida, com ou sem amizade(s). Mas há sempre amizade, em qualquer lado. Por vezes, as coisas nâo se vêm logo...

Mensagens populares deste blogue

O fim do Cristianismo e da Cultura Ocidental?

O Exemplo do Ouriço e a Condição de ser Raposa